O QUE FAZER

Praia da Guarda do Embaú: Classificada pelas revistas Terra e Playboy entre as DEZ praias mais bonitas do Brasil e candidata em 2015 à Reserva Mundial de Surfe (RMS), permanece ainda selvagem, sem nenhuma construção entre o mar e as dunas. No mar quebram ondas perfeitas, tendo como cenário ao fundo a Ilha dos Corais.

 

Rio da Madre – Patrimônio hídrico da região: Imagine ter que atravessar um rio de aproximadamente 300 metros de margem a margem para chegar na praia? Depois de enfrentar esta breve aventura, você estará nas areias brancas da praia da Guarda do Embaú.

Centrinho da Praia da Guarda do Embaú: O centrinho da Guarda transforma-se numa verdadeira passarela de gente bonita de todos os recantos do mundo. Bares, restaurantes, surfshops e lojas de artesanatos fazem do lugar um verdadeiro shopping center ao ar livre. Quando chega a noite, a boa música ao vivo entra em cena nos bares. É ver pra crer!

Praia da Gamboa: Para quem gosta de caminhar pela praia é uma boa opção. Situada a 8 km ao sul da Guarda é um passeio de 2 horas imperdível pelas suas areias brancas e fofas, seguidas pelo contorno das dunas. De carro são cerca de 25 minutos pela BR-101, sentido Sul. Com sorte você também poderá surfar boas direitas.

Canoa: Atravessar de uma margem até a outra no Rio da Guarda de canoa, guiada por um nativo com a verga (bambú) é uma sensação única. Há quem diga que nestes momentos a Guarda se transforma na Veneza do Sul do Brasil.

Pedra do Urubu: Passeio fantástico por uma trilha que dura 20 minutos de subida íngreme, mas a vista lá de cima compensa qualquer esforço físico. O rio desembocando no mar e a praia com as imensas dunas ficam ainda mais bonitos. Você visualiza ainda as praias da Pinheira, Sonho, Gamboa, Garopaba, Guarda e Prainha.

Centro de Visitantes do Parque Estadual da Serra do Tabuleiro: Pequeno, dista 8 kms da Praia da Guarda em estrada de chão batido. Conserva ainda algumas espécies animais da região da Baixada do Maciambú.

Passeios de Bicicleta: A bicicleta tem sido nos últimos anos um ótimo hábito para quem quer sair por algumas horas da rotina da cidade e da própria beira da praia. A estrada que liga a Guarda do Embaú até a BR-101 ou até as Praias da Pinheira, Papagaio ou Sonho, são ótimas opções para uma pedalada.

Pesca da Tainha: O surfe é proibido na Praia da Guarda entre os meses de maio, junho e julho, no período da tradicional pesca da tainha, quando os pescadores se atiram ao mar para fazer arrastões ou para pescar de tarrafa na beira do rio. Ótimo período para comer tainha assada, pinhão na chapa e batata doce assada. Tudo regado a um bom vinho.

Prainha: Fica à esquerda da Praia da Guarda. O caminho até lá é lindíssimo: são 15 minutos por uma trilha que corta um morro de grama na beira do mar. Se quiser poderá continuar a caminhada pelos costões e chegar até a Praia da Pinheira. Suas águas claras propiciam momentos inimagináveis. Boa opção para o surf nos dias de vento sul.